Ácido Úrico – Ossos do ofício da política

Publicado por em 17/05/2021

Em meio a nomeações de cá e acusações de lá, a politica vai deixando claro que ela não cansa de surpreender.

Confira na coluna de hoje os acontecimentos que repercutiram no fim de semana e nesta segunda-feira na região.

Movimentações

O ex prefeito Edson Renato Dias, o Piriquito, fez um mistério sobre sua saída do MDB. Deu a entender que está sendo disputado e recebendo convites de várias siglas, mas não falou o nome de nenhuma. As duas únicas opções de Piriquito é o PSB, que já está sob o comando do seu grupo, e do PDT que ele já mexeu o doce a nível estadual para agarrar por aqui. Soma-se ao fato do PDT local ter “rompido” com o governo municipal e o vereador Patrick Machado já ter sido visto em reunião com emedebistas, é meio óbvio o fim dessa história. Ou fica no MDB ou vai para o PDT.

Primeira dama de Camboriú nomeada em BC

Me causou surpresa a nomeação da primeira-dama de Camboriú no gabinete do vereador Gelson Rodrigues. Uma pessoa já havia me cantado a bola semana passada e não acreditei. Ou melhor, me neguei a acreditar que isso fosse possível. Confirmando a informação, fiz meu desabafo. A justificativa do vereador, foi o fato dela ser do Cidadania da cidade vizinha. O vereador, quem conhece a política em Camboriú sabe que o Cidadania de lá, na época PPS, foi tomado de assalto em 2019 através de uma intervenção estadual feita pelo seu atual grupo político, antes mesmo do senhor se filiar. Foi só para somar na sigla da reeleição de Elcio Kuhnen. A sua nova assessora é mais verdinha do que o senhor imagina e é mais alinhada com o MDB do que possa parecer.

As mordomias do SISEMCAM

Divulguei esses dias parte das mordomias que o Sindicato dos Servidores de Camboriú tem em sua sede. Hoje uma matéria mais completa feita pelo Portal Visse ferveu nos bastidores. Com cópias das notas fiscais, a matéria trouxe alguns produtos de primeira linha comprados pelo sindicato para o consumo dos que trabalham na entidade. A atitude do sindicato com a história? Chamar de Fake News. Disseram que algumas compras foram para confraternizações. Pera, confraternização em plena pandemia?

Cabe salientar que o termo “fake news” serve para denominar matérias que contam alguma mentira. Não é o caso desta que trouxe inclusive as provas. Pior foi dizer que é retaliação a briga do sindicato com a prefeitura. Cômico demais.

Polícia Federal investigará Dias Tóffoli

O ministro Edson Fachin autorizou a Polícia Federal a usar dados de duas operações relacionadas à Lava Jato do Rio para juntar provas contra Dias Toffoli. A PF diz que é preciso apurar suposto crime de corrupção do ministro em venda de decisões judiciais.

O inquérito investiga suposto recebimento de R$ 4 milhões em troca de favorecimento em processos sobre 2 prefeitos do Estado do Rio de Janeiro no TSE. E agora Toffoli?

Casildo Maldaner tem quadro irreversível de Câncer

Casildo Maldaner, ex-senador e governador está internado em estado grave no Hospital de Caridade em Florianópolis. Aos 79 anos completados em abril passado, Casildo está com um diagnóstico de que o câncer havia voltado e atingido o cérebro. O ex-senador está sedado para não sentir dores e o caso é considerado extremamente grave.

Em 2018, Casildo descobriu um câncer de pele. Ele tratou e estava curado. Ele e a família foram surpreendidos no início de maio deste ano com um novo diagnóstico da doença. Segundo Celso Maldaner, irmão do ex-senador, a situação é tecnicamente irreversível. “Só um milagre para reverter a situação do mano Casildo. O câncer já atingiu o cérebro”, explicou Celso.

Um forte abraço e conforto ao grande Casildo e sua família.


Opnião dos Leitores

Deixe uma Resposta

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados com *



Faixa Atual

Título

Artista